Mundo Sustentável

Receba o nosso BOLETIM

Abrindo espaço na mídia para um planeta em transformação

Micro Blog
13 jul 2012
POR: Mundo Sustentável
CATEGORIA: Microblog
TAGS:
Home » » O mau exemplo da Apple | G1

O mau exemplo da Apple | G1

Lixo eletrônico: Apple perde a certificação ambiental de 39 modelos de computador

 

Fonte: G1 – Coluna Mundo Sustentável

 

O gênero de resíduos que mais cresce no mundo é o lixo eletrônico, ou seja, pilhas, baterias e tudo o que precise de eletricidade para funcionar (computadores, televisores, aparelhos de som,etc). Os obsessivos lançamentos de novos produtos e o encurtamento da obsolescência programada (equipamentos projetados para durar pouco) são responsáveis por uma “tsunami” de lixo eletrônico que já ultrapassou 50 milhões de toneladas/ano em todo o mundo.

Para reduzir o volume de lixo – e facilitar o reúso ou a reciclagem dos componentes – os Estados Unidos criaram uma certificação ambiental para produtos eletrônicos (EPEAT http://www.epeat.net ) que valoriza, entre outras iniciativas, eficiência energética, maior facilidade para desmontar o equipamento após o descarte e segurança na segregação dos componentes tóxicos.

Segundo reportagem do Wall Street Journal (http://on.wsj.com/M2tLpV), o Governo dos Estados Unidos exige que 95% dos produtos eletrônicos adquiridos com recursos públicos sejam certificados pelos padrões da EPEAT. Também seguem a certificação grandes empresas como a Ford e HSBC. Duzentas e vinte e duas das mais importantes universidades norte-americanas também dão preferência a computadores certificados pelo EPEAT.

Pois a mesma reportagem informa que um funcionário da Apple avisou, no final de junho ao Diretor Executivo da EPEAT,Robert Frisbee, que a orientação de design da empresa não era mais compatível com as exigências da EPEAT, e que por isso, pediu para tirar da lista de produtos sujeitos à certificação ambiental 39 computadores desktop, monitores e laptops (incluindo alguns modelos MacBook Pro e MacBook Air).

Foi a segunda vez em menos de três meses que a Apple desapontou seus seguidores mais antenados com os assuntos na sustentabilidade. No último mês de abril a empresa apareceu como vilã em um relatório do Greenpeace que avaliou as fontes de energia mais utilizadas pelas gigantes da TI. O relatório “How clean is your cloud?” (“O quão limpa é a sua nuvem?”, disponível em http://bit.ly/J5Kj4z ) informou que mais da metade da energia que mantém a estrutura da Apple funcionando tem origem em combustíveis fósseis, principalmente o carvão mineral.

Completando a onda de notícias ruins que alcançam a maçã de Steve Jobs, um relatório recente produzido pelo Centro de Descarte e Reúso de Resíduos de Informática da Universidade de São Paulo (USP) avaliou os esforços realizados pelas empresas que atuam no Brasil para recuperar os equipamentos que são descartados como lixo. Pela atual Lei Nacional de Resíduos Sólidos, essas empresas são obrigadas a promover a logística reversa, ou seja, a recuperação desses produtos quando eles são descartados como lixo. A Apple (juntamente com Samsung, Sony, IBM, Proviews e Brother) aparece na lista negra do relatório, justamente entre as empresas que não se prontificam a buscar o resíduo (quando o usuário está pronto para descartá-lo como lixo), nem aceitá-lo quando entregue em uma de suas lojas.

É pena saber de tudo isso depois de já ter um Iphone.

Se a Apple não desmonstrar de forma bastante convicente seu comprometimento com os valores socioambientais, será meu último tablet sabor maçã.

PS: Este espaço está completamente disponível para que a Apple faça as considerações que desejar.

 

André Trigueiro

 

 

 

 

 

7 Comentários

7 Comentários

  • oral steroids

    Eu gosto da valiosa informação que você fornecer no http://www.mundosustentavel.com.br . Vou marcar o seu blog e verifique novamente aqui regularmente . Tenho certeza de que vou aprender muitas coisas novas aqui ! Melhor sorte para a próxima !

  • Norge eskortes

    Hahah , meu laptop caiu quando eu estava navegando http://www.mundosustentavel.com.br última vez que estive aqui. E nos últimos dois meses eu tenho olhado para este weblog, tão agradecido Eu localizada mais uma vez ! : D. Eu vou voltar!

  • proviron

    Eu estava lendo alguns de seus artigos neste site internet e acredito que este site é muito informativo ! Continue postando . ;) ;)

  • escorts call

    Apreciando o tempo ea energia que você colocar em seu blog e informações detalhadas que você oferece. É ótimo vir através de um blog de ​​vez em quando que não é o mesmo rehashed informações desatualizadas . Ótima leitura ! Salvei seu site e estou incluindo os seus feeds RSS para a minha conta do Google. relação

  • Mario Jorge Passos

    A ntoícia precisa ser atualizada. No dia 13 de julho o vice-presidente senior de hardware Bob Mansfield veio a público se retratar e pedir desculpas. http://gigaom.com/apple/apple-backs-down-all-macs-will-stay-epeat-certified/ O ultimo lançamento da empresa o MacBook Pro Retina Display é EPEAT Gold. A empresa também está trocando a matriz energética do seu datacenter na Carolina do Norte, próximo ao do Facebook, atualmente alimentados principalmente por eletricidade gerada por carvão (atenção: carvão mineral, não carvão vegetal) e energia nuclear.

  • Rodrigo Silva

    Não podemos esquecer dos sites de pesquisa. Eles gastam rios de energia só para fazer uma busca!
    Pensem bem antes de pesquisar…leia livros!

  • Fernanda

    O interessante é que eles não “perderam” a certificação – pelo que parece, simplesmente escolheram não tê-la. Ou seja, eu poderia manter meu produto “sustentável”, mas escolho que ele não seja assim.
    Esta postura da empresa é que surpreende. Em lugar de investir em pesquisa e desenvolvimento de melhores produtos, continua apostando na obsolescência percebida do design para vender mais.
    Faço minhas as suas palavras: triste saber disso depois de já ter um iPhone…

Current month ye@r day *